Conheça os Benefícios da Plataforma Vibratória

 

Beneficios da Plataforma Vibratória

 

"...Treino por vibração..."
O treino por vibração (em plataformas vibratórias que permitem fazer um treino completo em 15 a 30 minutos sem perder o fôlego nem perder um pingo de suor) é considerado por muitos o exercício do futuro.

Enquanto que, durante um treino convencional, a realização do esforço depende inteiramente da nossa vontade, numa plataforma vibratória as contracções musculares acontecem de forma involuntária (ao ritmo de 30 a 50 contracções por segundo), o que provoca uma estimulação de quase 100% das fibras musculares dos músculos solicitados.
 Além disso, este trabalho de força, apesar de intenso, não requer a utilização de cargas externas (pesos), conseguindo uma solicitação da musculatura muito mais intensa e em muito menos tempo, o que reduz o desgaste articular. «Trabalha-se com a aceleração da gravidade em vez de massa», explica Sheila Ranchhod, directora científica da Power Plate em Portugal.

Graças a estas características, é possível reduzir cada exercício a 30 ou 60 segundos, o que significa que, em apenas 15-30 minutos, se consegue um treino físico completo. Já num treino convencional, uma sessão dura 60 a 90 minutos.
E, a cereja no topo do bolo, não se sente dor, cansaço nem desconforto durante o treino, mas, no final do treino (ou melhor, no dia seguinte), é notória aquela sensação de fadiga muscular característica pós-exercício. Fazer exercício passa, assim, a ser um prazer.
Está pronta para começar?

Para começar só tem de se colocar em cima de uma plataforma vibratória, afastar um pouco as pernas, flectir os joelhos e inclinar a bacia para trás e carregar no botão.
A máquina começará a vibrar na intensidade que o monitor considere adequada para si e notará como toda a musculatura do seu corpo é activada. Demasiado fácil?

É mesmo. Mas o treino não é assim tão simples. Este é apenas o procedimento básico.
Existem mais de 30 posições diferentes para trabalhar zonas específicas do corpo, fazer alongamentos e, até, receber massagens. O monitor que acompanhar o seu treino vai orientá-la em todos os passos (este acompanhamento é fundamental).

Sheila Ranchhod recomenda começar com exercícios de alongamentos, avançar para as posições mais específicas (consoante o objectivo do treino) e terminar com novos alongamentos e massagem (e que massaaaaaagem!)...

 Fonte: retirado do site http://mulher.sapo.pt/ultimate_beauty